Quais os objectivos?

PENTAGRAMA O Tarot ao longo dos tempos tem sido olhado com desprezo por uns, odiado por outros e na maioria dos casos, temido...

O Tarot deve ser olhado com o espírito aberto, sem receios, que a existirem, são infundados.

O Tarot não é magia negra nem qualquer outra arte do oculto.

O Tarot fundamenta-se em estados de espírito, e contribui para uma maior iluminação dos caminhos daqueles, que se encontram algures perdidos.

O Tarot conforta os espíritos inquietos, daqueles que procuram respostas às questões da vida.

O Tarot alimenta a alma dos que padecem de solidão e desconforto.

O Tarot sacia os corações perdidos em dúvidas.

O Tarot aplaca o ciúme.

O Tarot contribui para uma saudável relação inter-pessoal.

O Tarot, visa pois, a auto-estima daqueles que se despromovem perante a sociedade em geral e a família em particular.

O Tarot ajuda a compreender o obscuro, os medos, as fantasias, as exitações, mas acima de tudo, ajuda cada um a compreender-se e a procurar entendimentos nos outros.

Nenhum comentário: